Brasil

Justiça eleitoral rejeita mais de 10 mil candidaturas; maioria não preenche algum requisito

Crédito: José Cruz/Arquivo Agência Brasil

A Justiça Eleitoral analisou o pedido de registro de milhares de candidaturas até esta segunda-feira (26). Os candidatos ao posto de vereador, prefeito e vice-prefeito, o órgão indeferiu mais de 10 mil postulantes.

Além desse número, juntos dos falecimentos e as renúncias, o total fica acima dos 16,5 mil. Grande parte dos candidatos não atendeu pelo menos um requisito legal para o cargo.

Os inaptos representam aproximadamente 2,9% do total. O prazo final para o término dos julgamentos termina nesta segunda.

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a principal causa das cassações ou rejeições é a “ausência de requisito de registro”, com 75,9%. Vale lembrar que uma única candidatura pode ser indeferida por mais de um motivo.

Ainda segundo os dados do tribunal, a segunda maior causa para a recusa das candidaturas é a Lei da Ficha Limpa, com 11,2%. A legislação deixa claro que políticos condenados por abuso de poder político e econômico ficam sem poder concorrer aos cargos, ou seja, inelegíveis por oito anos.

Veja também

+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ 7 hábitos diários de quem atrai relacionamentos longos
+ Ana Maria Braga ensina receita de árvore de creme de avelã
+ Avião faz pouso noturno em rodovia nos Estados Unidos; veja o vídeo
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel