Economia

Juros recuam em sintonia com dólar e cena interna menos turbulenta

Esta quinta-feira, dia 1º, começa com recuo moderado dos juros futuros, amparados pelo bom humor nos mercados internacionais, que coloca o dólar em queda, e arrefecimento, no curtíssimo prazo, das preocupações fiscais em torno do Renda Cidadã, embora o tema ainda seja motivo de impasse. Às 9h03, o DI para janeiro de 2027 caía para 7,42%, de 7,48% no ajuste anterior. O DI para janeiro de 2023 exibia 4,47%, de 4,51%, enquanto o vencimento para janeiro de 2022 marcava 3,02%, de 3,05% no ajuste de quarta-feira (30).

Veja também

+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial

+ Pudim japonês não tem leite condensado; aprenda a fazer

+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"

+ MG: Pastor é preso por crime sexual e alega que caiu em tentação

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+ Receita fácil de pão sírio de micro-ondas da Ana Maria Braga

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Mulher sobe de salto alto montanha de 4 mil metros

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago


Tópicos

taxas de juros