Economia

Juncker diz que Georgieva é a candidata da UE a diretora-gerente do FMI

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, informou nesta sexta-feira que a búlgara Kristalina Georgieva é a candidata da Europa para o posto de diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI). “Você tem todas as qualidades necessárias para fazer uma contribuição efetiva à missão do FMI”, afirmou Juncker, em mensagem no Twitter.

A analista econômica de 65 anos já foi comissária europeia para a Cooperação e o Desenvolvimento Internacional e atualmente é executiva-chefe do World Bank Group, entidade que reúne cinco organizações internacionais e realiza empréstimos para países em desenvolvimento. Também tem uma trajetória acadêmica e é doutora em Economia. Tradicionalmente, um europeu ocupa o comando do Fundo.

Caso confirmada, Georgieva ocupará o lugar que era de Christine Lagarde, após a francesa ter sido indicada para a presidência do Banco Central Europeu (BCE).

Veja também

+ Seu cabelo revela o que você come (e seu nível socioeconômico)

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Gésio Amadeu, o Chefe Chico de Chiquititas, morre após contrair Covid-19

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

Tópicos

candidato FMI UE