ISTOÉ Gente

Julianne Trevisol faz tratamento de fertilidade e expõe surtos de raiva e carência

Crédito: Reprodução/Instagram

Julainne Trevisol chora durante tratamento de fertilidade (Crédito: Reprodução/Instagram)


A atriz Julianne Trevisol, de 38 anos, usou o Instagram nesta quarta-feira (27) para contar aos seguidores como tem sido a experiência do tratamento de fertilidade. Ela começou o processo há um ano, e explicou que não foi uma experiência nada fácil.

+  ‘Meu barquinho, minha festinha’, declara Bruna Linzmeyer à namorada
+ Boninho revela que ‘BBB 23’ terá premiação diferente: ‘Não posso dar spoiler’

“Hoje concluímos meu processo de preservação da fertilidade. Foram 2 ciclos seguidos para conseguir a quantidade necessária de óvulos maduros para o congelamento. É uma experiência única e particular para cada mulher. Algumas conseguem mais facilmente, para mim não foi tão simples. Há 1 ano comecei a busca e nesse caminho me deparei com tantas dificuldades que desisti”, começa Julianne, que aparece chorando em várias fotos.

“Meu primeiro ciclo foi perfeito. Curti cada detalhe, mesmo com injeções diárias de medicamentos eu estava plena em realizar o sonho de poder escolher ser mãe na vida quando eu realmente achar que é o momento. Ter tempo pra mim, não ficar refém da idade biológica e me sentir livre e leve na minha melhor fase de maturidade feminina. Meu corpo reagiu rápido ao tratamento mas conseguimos poucos óvulos maduros. Este segundo ciclo foi diferente. A primeira medicação não respondeu tão bem, então foi preciso no meio do tratamento dobrar a quantidade de remédios. Tomei um combo de hormônios e fiquei a ponto de explodir!”, continuou.

A alta dose de medicamentos hormonais deixou Julianne muito desregulada com suas emoções. “Sensibilidade à flor da pele, crises de choro repentinas, surtos de raiva, carência… tudo isso que os stories não mostram e que só as mulheres sabem o que é. Nunca tinha sentido nada parecido na vida. Mas todo aprendizado é válido. Coisas se diluem outras se fortificam… E olha, não é mimimi, redes de apoio são super importantes. Sou muito grata a todas as msg de carinho que tenho recebido. Teve quem passou por isso e me deu força e quem sentiu que por trás dos sorrisos havia uma melancolia, um medo constante e me mandou palavras de carinho. Obrigada de verdade”, finalizou.

Confira a publicação original:

Instagram will load in the frontend.