Esportes

Judoca brasileira naturalizada portuguesa sofre ataques racistas

Rochele Nunes foi alvo de comentários de cunho racista nas redes sociais depois de ficar em quinto lugar no Grand Slam de judô da Hungria no último domingo 

Judoca brasileira naturalizada portuguesa sofre ataques racistas

A judoca brasileira naturalizada portuguesa Rochele Nunes foi alvo de ataques racistas nas redes sociais, no último domingo. Depois de ficar na quinta posição no Grand Slam de Budapeste, na Hungria, a atleta recebeu uma mensagem privada no Instagram de cunho racista.

– Foi para a Europa, mas devia ir para o inferno, macaca de merda – dizia o comentário

A atleta decidiu tornar a mensagem pública e se manifestou:

–Sobre os haters, duas amigas que eu gosto muito me disseram que tudo o que eles querem e atenção e fama, algo que não vou dar além de um bom processo⚖️ RACISTAS NÃO PASSARÃO O nosso foco é muito maior que isso ! – postou Rochele no Instagram.

A atleta recebeu apoio de colegas de profissão e fãs. A também judoca Ketleyn Quadros postou um vídeo em que elogiava a amiga

– Chelaoo você é Gigante!!! Brilha Lindeza! Você é muito amada!!! Quero reforçar que não dá para tolerar esse o tipo de comportamento que é ser racista. Chega, basta! É por isso que devemos, sim, ser antirracista! É inaceitável, não existe espaço para tamanha insensatez – afirmou Ketleyn.

Rochele Nunes passou defender Portugal e deixou de dividir o protagonismo do peso pesado no Brasil com as colegas Beatriz Souza e Maria Suelen. Pelo país europeu, está próxima de conquistar a vaga olímpica.

A atleta de 31 anos está em 11º no ranking mundial da categoria pesado. As 18 primeiras na classificação garantem um lugar nos Jogos. A definição se dará em maio.

Veja também

+ Cantora MC Venenosa morre aos 32 anos e família pede ajuda para realizar velório
+ Homem salva cachorro da boca de crocodilo na Flórida
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ Idoso morre após dormir ao volante e capotar veículo em Douradoquara; neto ficou ferido
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel