Geral

Jovens do Vasco criam, colocam bola na trave, mas falham no final e perdem para o Volta Redonda

Cruz-Maltino mostrou evolução em relação à partida de estreia no Campeonato Carioca e, com alterações desde o início, criou. Andrey, do Voltaço, parou Laranjeira


O jovem time do Vasco entrou em campo, na noite deste sábado, com três alterações em relação à primeira partida do Campeonato Carioca. Jogou melhor do que na estreia, colocou bola na trave, obrigou o goleiro do Volta Redonda a fazer grandes defesas. Mas o resultado e o placar se repetiram: derrota por 1 a 0. O próximo jogo é contra o Nova Iguaçu, daqui a uma semana.

Início morno
Depois de 25 minutos de mais marcação do que futebol, a partida teve emoção. O primeiro susto foi causado por Luiz Paulo, que chutou forte, mas para fora, aos 26 minutos. Três minutos depois, Cayo Tenório cruzou, Laranjeira escorou e Figueiredo chutou para fora. Mais três minutos, Bruno Barra acertou chute forte e Lucão defendeu.

Laranjeira’s show time
Na sequência, Laranjeira mostrou as credenciais que lhe deram a titularidade na partida. Um chute que obrigou Andrey a fazer grande defesa e, poucos depois, uma finalização de fora da área. O goleiro do Voltaço tocou na bola, que ainda foi na trave antes de sair.

-> Confira a tabela do Campeonato Carioca


+ Após cobertura ser arrematada em leilão, Carlinhos Mendigo se recusa deixar propriedade
+ Mulher desaparecida é encontrada dentro de cobra píton
+ Furão é estrela de vídeo que recria cenas do filme Ratatouille



Mais chuva do que bola
A chuva foi se intensificando ao longo do jogo e já era muito forte quando a bola rolou na segunda etapa. O gramado suportava com perfeição, mas dificultava o jogo mais técnico. Tanto que, novamente, as chances demoraram a aparecer. Bruno Barra teve uma, de cabeça, mas nada demais.

Pressão do Vasco
Aos 31. Cayo Tenório foi à linha de fundo, Andrey não conseguiu cortar e Artur cabeceou. A bola morreria mansamente no gol, mas a defesa do time mandante conseguiu salvar. Dois minutos depois, o goleiro do Volta Redonda se redimiu. Novamente diante de Artur, desta vez ele barrou a finalização.

Erro fatal
Já na reta final da partida, um erro fatal. Após cruzamento da direita, João Carlos se valeu do erro no tempo de bola de Ulisses e mandou para dentro do gol. Nova derrota cruz-maltina.

FICHA TÉCNICA
VOLTA REDONDA 1 X 0 VASCO

Estádio: Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)
Data e hora: 6 de março de 2021, às 21h05
Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda
Assistentes: Luiz Claudio Regazone e Thayse Fonseca
Cartões amarelos: Heitor, Bruno Barra, Walisson (VOL); Ulisses, Miranda (VAS)
Cartões vermelhos: Não houve

GOLS: João Carlos, aos 38’/2ºT (1-0)

VOLTA REDONDA: Andrey, Oliveira (Julinho, 37’/2ºT), Gabriel Pereira, Davison e Luiz Paulo; Bruno Barra, Emerson Junior (Walisson, 13’/2ºT) e Luciano Naninho (Marcos Vinícius, 37’/2ºT); Alef Manga (MV, 37’/2ºT), João Carlos e Gabriel Silva (Caio Vitor, 28’/2ºT) – Técnico: Neto Colucci.

VASCO: Lucão, Cayo Tenório (JP Galvão, 41’/2ºT), Ulisses, Miranda e MT; Caio Lopes (Tiago Reis, 28’/2ºT) e Galarza (Andrey Santos, 41’/2ºT); Gabriel Pec, Juninho e Figueiredo (Arthur, 22’/2ºT); Laranjeira (Vinícius, 41’/2ºT) – Técnico: Diogo Siston.

Veja também

+ Receita simples de bolo Red Velvet
+ Yasmin Brunet comemora vitória de Gabriel Medina
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS