Mundo

Jovem saudita que fugiu da família após ameaças chega ao Canadá

Jovem saudita que fugiu da família após ameaças chega ao Canadá

Rahaf Mohammed al-Qanun (C) desativou a sua conta no Twitter, que a ajudou a divulgar seu caso e evitou sua deportação da Tailândia - Thai Immigration Bureau/AFP/Arquivos

Rahaf Mohammed al-Qunun, de 18 anos, chegou a Toronto, no Canadá, neste sábado (12). A jovem saudita fugiu de seu país porque renunciou ao Islã e temia ser morta por sua família. Ela já tinha passado por Austrália e Tailândia, anteriormente, em busca de asilo. As informações são do G1.

Rahaf fugiu de seus familiares quando estava de férias no Kuwait. Ela passou por Austrália e Tailândia em busca de asilo, mas os dois países acabaram não se envolvendo na questão por considerarem algo privado e da família. Após fazer um apelo nas redes sociais, a Organização das Nações Unidas (ONU) deu a ela o status de refugiada.

Na última sexta-feira (11), o Canadá deu asilo a Rahaf. Ela apagou sua conta no Twitter, por onde fez os apelos no início do mês, pois estava sendo ameaçada de morte. A família nega as informações dadas pela jovem.