Esportes

Jogador mais decisivo com Diniz, Vitor Bueno celebra retorno dos treinos com bola no São Paulo

Meia-atacante participou de dez gols do Tricolor desde a chegada do treinador, em setembro do ano passado e contou como tem sido a retomada das atividades no clube

Jogador mais decisivo com Diniz, Vitor Bueno celebra retorno dos treinos com bola no São Paulo

Um dos jogadores que mais cresceram no São Paulo desde a chegada de Fernando Diniz, Vitor Bueno é também aquele mostra ser mais decisivo nos números do time nesse período. Titular do ataque Tricolor, o jogador celebrou o retorno das atividades no CT da Barra Funda e contou como tem sido o protocolo no dia a dia dos jogadores, que folgam neste domingo.

Em entrevista para a TV oficial do clube, o meia-atacante, que foi contratado em definitivo no fim do ano passado, junto ao Santos, expressou sua alegria em retornar ao ambiente de trabalho após mais de 100 dias de isolamento por conta da pandemia de coronavírus. Além disso, ele elogiou a estrutura preparada pelo São Paulo para receber de volta seu elenco profissional.

– Foram três meses difíceis para nós, que estamos sempre treinando, junto com a rapaziada todos os dias, em viagens e concentrações. Então, foi um período bastante difícil. Eu, particularmente, estava com muitas saudades, não só da galera, mas do ambiente de treinar. Está sendo legal, proveitoso, parece que está sendo uma novidade, porque, depois de tanto tempo, a gente se reencontrar. Legal também da parte do São Paulo, que preparou tudo para nós, dando uma estrutura para nos receber tão bem – contou.

Desde a chegada de Diniz, Bueno marcou quatro gols, deu cinco assistências e sofreu um pênalti, ou seja, participou diretamente de dez gols no período. Isso faz dele o jogador mais decisivo desse período, à frente de Daniel Alves, com nove participações em tentos. Não é à toa que ele estava ansioso pelo retorno às atividades com bola, ainda mais por ainda não ter marcado em 2020.

– Foi muito importante também a gente treinar com bola depois de tanto tempo, para a gente se readequar e entrosar novamente depois de quase três meses e pouco. A cabeça já fica melhor, o dia passa um pouco mais rápido, porque é algo que você está há tanto tempo sem fazer e faz, e algo que é seu trabalho. Então, o dia acaba mais rápido e é proveitoso pelo tempo sem treinar.

Na volta, porém, Vitor encontrou um cenário diferente no CT da Barra Funda, tudo para seguir os protocolos de retorno às atividades para evitar ao máximo o contágio pelo coronavírus, que está longe de ser controlado no Brasil. Dessa forma, ele contou um pouco de como tem sido essas novidades no local.

– Chegar, cada um com sua vaga demarcada para o carro. Tem uma mesa logo ao lado do carro, com os nossos materiais…. Chuteira, tênis. As roupas levamos para casa, para lavar lá. Só nós encostamos nas nossas coisas. Procuramos não nos concentrar em lugares fechados, é tudo lugar aberto, montaram algumas tendas para não ter essa aglomeração – explicou o meia.

Vitor Bueno aproveitou para elogiar novamente o que tem sido oferecido para o São Paulo, inclusive para a família dos atletas e pediu para o torcedor tricolor continuar os cuidados contra a doença e o pensamento positivo para que as coisas voltem ao normal o mais rápido possível para toda a população.

– Mesmo a gente voltando a treinar aqui no CT, encontrando a galera, é legal frisar o cuidado que o clube vem tendo conosco e com a nossa família. Importante também para o pessoal que assistir a esse vídeo, o torcedor do São Paulo, a se cuidar, energia positiva e rezar para que tudo passe o mais rápido.

Aos 25 anos, Bueno chegou ao Tricolor em abril do ano passado e de lá para cá atuou em 39 partidas oficiais e marcou seis gols. Em 2020, foram dez jogos, os dez como titular da equipe de Fernando Diniz, tendo ficado fora de apenas dois duelos na temporada, ambos por conta de entorse no tornozelo.

Veja também

+ Caixa libera FGTS emergencial para nascidos em julho nesta segunda-feira (10)

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Carol Nakamura anuncia terceira prótese: ‘Senti falta de seios maiores’

+ Ex-Ken humano, Jéssica Alves exibe visual e web critica: ‘Tá deformada’

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?