Brasil

João de Deus ganha benefício da prisão domiciliar por conta do coronavírus

Crédito: Reprodução / TV Globo

João de Deus foi sentenciado a 40 anos por estupro (Crédito: Reprodução / TV Globo)

O médium João de Deus obteve da Justiça de Goiás o benefício da prisão domiciliar. A informação foi confirmada pelo UOL. Preso desde 16 de dezembro de 2018 na região metropolitana de Goiânia, João Teixeira de Faria, de 77 anos, conseguiu a liberdade por estar no grupo de risco do novo coronavírus.

A juíza Rosângela Rodrigues Santos foi a responsável por emitir a decisão. A magistrada foi a mesma que condenou o médium em janeiro deste ano. A justificativa para a soltura foi o histórico de problemas de saúde do religioso e a idade avançada.

Ao portal, o advogado do médiu Marcos Maciel Lara informou à reportagem, no entanto, que aguarda o cumprimento da decisão.

João de Deus já foi condenado a mais de 40 anos em regime fechado pelos crimes de violação sexual mediante fraude e estupro de vulnerável. Outras 194 mulheres já denunciaram o médium por crimes sexuais.


+ Rapper implanta diamante de R$ 128 milhões no rosto
+ PR: Jovem desaparecida é encontrada morta; namorado confessa crime
+ Galo bota ovos e surpreende moradores de Santa Catarina

Veja também

+ Cientistas descobrem nova camada no interior da Terra
+ Aprenda 5 molhos fáceis para aproveitar o macarrão estocado
+ Vídeo: o passo a passo de como fazer ovo de Páscoa
+ Aprenda a preparar o delicioso espaguete a carbonara
+ Cientistas desvendam mistério das crateras gigantes da Sibéria
+ Sexo: saiba qual é a melhor posição de acordo com o seu signo
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago