Geral

JBS doa R$ 5 milhões para fábrica de vacinas do Instituto Butantan


A JBS anunciou que doou R$ 5 milhões para o Instituto Butantan para a construção do Centro Multipropósito para Produção de Vacinas em São Paulo. De acordo com a nota da instituição, a fábrica ficará pronta em setembro deste ano e irá dobrar a capacidade do instituto para fabricação de vacinas.

“O empreendimento permitirá a produção totalmente nacional da Coronavac, eliminando a necessidade de importação do IFA (Insumo Farmacêutico Ativo), matéria-prima que dá origem ao imunizante. Com a transferência de tecnologia da farmacêutica chinesa Sinovac e a ampliação das instalações, o Butantan terá capacidade estimada para produção de cerca de 100 milhões de doses por ano”, disse a multinacional.

A empresa informa ainda que desde o início da pandemia já investiu R$ 50 milhões em pesquisas científicas para a prevenção e combate à covid-19 no País, que contribuíram com 39 pesquisas e projetos científicos em mais de 13 Estados da federação.

Em São Paulo, a JBS comunica que seu programa de responsabilidade social, chamado de “o Fazer o Bem Faz Bem”, destinou R$ 15 milhões ao fomento de pesquisas científicas de 13 instituições.

Vale


+ Homem que vivia ‘casado’ com a própria filha é preso após polícia investigar agressão contra criança
+ Família de Schumacher coloca mansão à venda por R$ 400 milhões
+ Pão de Queijo: faça uma das receitas mais gostosas do Brasil



Na quarta-feira, 3, a Vale também anunciou a doação de R$ 10 milhões ao Butantan para ajudar nas obras de ampliação do centro de produção de vacinas.

Veja também

+ Receita de bolinho de costela com cachaça
+ Cientistas descobrem nova camada no interior da Terra
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS