Esportes

Janderson revela início no futebol e espera fazer história no Corinthians

Aos 20 anos, o atacante Janderson se apresentou à torcida do Corinthians em vídeo divulgado pelo clube.

O jogador contou que gostava de cavalos na infância antes de ver um “dom” para o esporte com a bola.

• Deyverson admite dificuldade, mas ainda acredita em título do Palmeiras

Nascido em Barreiras, no interior da Bahia, Janderson foi criado pela avó após a morte da mãe.

Hoje no Corinthians, o jovem diz que se sente realizado.

“Só tenho a agradecer pela chance no Corinthians, pude trazer minha avó para perto, para São Paulo, algo que me deu um alívio. Sou do interior da Bahia e quando era menor não gostava de bola, gostava mesmo de cavalo, nasci na roça. Com três anos, minha mãe faleceu. Gostava de cavalo, vaca, bezerros… Eu ajudava meu pai, nasci ali. Depois, fui para Missão de Aricobé (Bahia), que era diferente da área rural. Santa Maria era ainda mais roça. Lá, meu tio tinha uma escolinha e eu comecei a jogar, comecei a sair para fora de Missão. Comecei a ver um dom em mim”, afirmou Janderson.

“A partir desse momento, fazia gols e ia bem nos jogos, comecei a gostar de bola e me apaixonei. Comecei a me dedicar mesmo no futebol. Sempre ouvia falar de Corinthians, muito grande. Não tenho como não lembrar do Ronaldo Fenômeno. Não imaginava estar aqui, hoje me sinto realizado. Só tenho a agradecer por estar em um dos maiores clubes do Brasil”, acrescentou.

Janderson foi titular do Corinthians e marcou seu primeiro gol como profissional no empate por 2 a 2 com o Goiás, no Serra Dourada, no último dia 16. Agora, o atacante espera fazer história pelo clube.

“Qualquer jogador pensa em fazer história no Corinthians e ser abraçado pela Fiel. Vou continuar trabalhando. Quero ganhar títulos. Penso em fazer história aqui”, disse Janderson, que tem contrato até o fim de 2023.