Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

Em meio a uma ampla revisão de seu banco de varejo para torná-lo mais digital, o Itaú Unibanco voltou a reforçar seu quadro de funcionários, que subiu 1,9% no terceiro trimestre em relação ao mesmo período do ano passado, para 98,8 mil pessoas.

Segundo o banco, as contratações foram feitas para a área de tecnologia. O mesmo movimento já havia sido observado no segundo trimestre deste ano, quando o quadro de funcionários do Itaú chegara a 98,3 mil pessoas. Em setembro, 13,2 mil colaboradores do banco trabalhavam na área de tecnologia e na empresa de serviços de tecnologia Zup.

Nesse mesmo movimento, a rede de agências do Itaú voltou a encolher. Ao todo, são 4.319, ante 4.431 um ano antes, em uma redução de 2,9%. O corte foi puxado pela rede de agências físicas, que encolheu de 3.127 para 3.035 no período. A rede de agências digitais, que reúnem os clientes dos canais digitais do Itaú, subiu de 195 para 202.

De acordo com o Itaú, o índice de eficiência de suas agências físicas foi de 72,4% no terceiro trimestre, enquanto o das agências digitais foi de 31,5%. Na rede total, o índice foi de 44%, queda de quatro pontos porcentuais em um ano. O índice de eficiência mede a relação entre a estrutura do banco e seus ganhos, e quanto menor o número, mais eficiente a rede é.