TURIM, 7 JAN (ANSA) – Várias cidades do norte da Itália estão em estado de atenção devido à poluição do ar. Localidades do Piemonte, Lombardia e Vêneto decidiram proibir temporariamente a circulação de veículos automotivos movidos a diesel ou gasolina.   

Atualmente, Turim é a cidade italiana com a pior situação. Há 10 dias consecutivos, o município registra um nível de 50 microgramas por metro cúbico de micropartículas no ar, fazendo a cidade decretar alarme vermelho. Em Veneza, o Observatório Regional da Qualidade do Ar emitiu um alerta laranja e determinou o bloqueio de veículos movidos a diesel ou gasolina, incluindo motocicletas. Em Milão, Monza, Bergamo, Pavia, Como e Cremona também foram adotadas restrições para a circulação de veículos. Durante o G7 Ambiental ocorrido em junho de 2017, em Bolonha, foi assinado um acordo, chamado de Acordo di Bacino Padano, entre as regiões italianas da Lombardia, Piemonte, Vêneto e Emilia-Romagna para o melhoramento da qualidade do ar. O texto prevê medidas como limitação de veículo a diesel e restrição de uso de aquecedores à combustão como forma de reduzir a poluição.   

(ANSA)