Mundo

Itália segue EUA e nomeia enviado especial para o clima


ROMA, 15 JAN (ANSA) – Seguindo o modelo dos Estados Unidos, o governo da Itália nomeou neste sábado (15) seu primeiro enviado especial para o clima.   

Enquanto nos EUA essa função foi entregue ao ex-secretário de Estado John Kerry, o país europeu encarregou o diplomata Alessandro Modiano, 57, vice-diretor-geral do Ministério das Relações Exteriores para assuntos globais.   

Modiano será o principal representante da Itália em negociações multilaterais sobre a crise climática, tema que ganhou um ministério específico no governo do premiê Mario Draghi.   

“Essa nomeação reforça ainda mais a liderança da Itália na luta contra as mudanças climáticas e representa um novo instrumento graças ao qual nosso país pode enfrentar a emergência do aquecimento global”, disse o ministro da Transição Ecológica, Roberto Cingolani, por meio de uma nota.   

“Por meio da nomeação de um enviado especial para o clima, a Itália confirma seu empenho no combate às mudanças climáticas e confirma a vontade de reafirmar a própria liderança em um dos temas cruciais para a sobrevivência do planeta assim como o conhecemos”, reforçou o ministro das Relações Exteriores, Luigi Di Maio. (ANSA).   


Saiba mais
+ Andressa Urach pede dinheiro na internet: ‘Me ajudem a pagar a fatura do meu cartão’
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ SP: Homem morre em pé, encostado em carro, e cena assusta moradores no litoral
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua