Mundo

Itália sediará cúpula global de saúde em 2021

BRUXELAS, 16 SET (ANSA) – Após ter sido duramente atingida pela pandemia do novo coronavírus, a Itália sediará uma cúpula mundial de saúde em 2021, quando assumirá a presidência rotativa do G20.   

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

O anúncio foi feito nesta quarta-feira (16) pela presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, em seu primeiro discurso sobre o estado da União no Europarlamento, em Bruxelas.   

“Com o presidente do Conselho [primeiro-ministro] Giuseppe Conte e a presidência italiana do G20, organizaremos na Itália uma cúpula global sobre saúde para demonstrar que a Europa protege os cidadãos”, disse.   

Segundo informações de bastidores, o encontro provavelmente acontecerá em Roma, mas ainda não tem data definida. “Feliz de hospedar a Cúpula Global de Saúde com Ursula von der Leyen.   

Unidos protegemos nossa saúde e construímos um futuro melhor para as próximas gerações”, afirmou Conte no Twitter.   

A Itália chegou a ser o país mais atingido pela pandemia do novo coronavírus e hoje contabiliza cerca de 290 mil casos e mais de 35,6 mil óbitos, de acordo com dados do Ministério da Saúde.   

(ANSA).   

Veja também

+Cidadania divulga calendário de pagamentos da extensão do auxílio emergencial

+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’

+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea