Mundo

Itália fará testes rápidos anti-Covid nos aeroportos

ROMA, 13 AGO (ANSA) – O Ministério da Saúde da Itália anunciou nesta quinta-feira (13) que, nos próximos dias, serão realizados testes rápidos para detectar a doença nos principais portos, aeroportos e postos de fronteiras do país como parte dos esforços para evitar a disseminação do novo coronavírus (Sars-CoV-2).   

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

Os locais atenderão os passageiros que não tem um teste negativo feito nas últimas 72 horas anteriores à viagem – regra que passou a valer a partir desta quarta-feira (12) – para voltar da Croácia, Grécia, Malta e Espanha.   

Entre os aeroportos que já anunciaram que terão a testagem rápida, estão os localizados na região do Vêneto e o de Fiumicino, em Roma.   

A preocupação se justifica por conta na alta das contaminações que vem sendo registrada nas últimas semanas, especialmente, de viajantes que retornam das férias nos quatro países citados na ordem. (ANSA).   

Veja também

+Após ficar internada, mulher descobre traição da mãe com seu marido: ‘Agora estão casados’

+ Por decisão judicial, Ciro Gomes tem imóvel penhorado em processo com Collor

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Baleia jubarte consegue escapar de rio cheio de crocodilos na Austrália

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea