TEL AVIV, 24 JUN (ANSA) – O exército de Israel considera estar perto de desmantelar a Brigada Rafah do Hamas. A declaração foi dada pelo chefe do Estado-Maior das Forças de Defesa de Israel (IDF), Herzi Halevi, em visita à região ao sul da Faixa de Gaza, acompanhado do comandante do Exército do sul, Yaron Finkelman.   

“Estamos claramente nos aproximando do ponto em que podemos dizer que desmantelamos a Brigada Rafah. Ela foi derrotada, não no sentido de que não há mais terroristas, mas no sentido de que não pode funcionar como uma estrutura de combate”, afirmou.   

Halevi disse que o exército do país judeu tem “grandes conquistas nos combates em Rafah”: “Vocês tratarão de matar o máximo possível de terroristas, e destruir o máximo possível de infraestrutura até o fim da missão aqui”, disse ele às tropas.   

Ele ainda afirmou que Israel tem um controle “muito significativo” sobre o chamado corredor Filadélfia, uma área de segurança na fronteira entre Gaza e Egito. Segundo ele, isso fecha a “passagem de oxigênio do Hamas para contrabandos futuros”.   

As declarações são uma espécie de balanço da operação que o IDF iniciou em Rafah há sete semanas, em 6 de maio. O primeiro objetivo, a tomada do corredor Filadélfia, levou três semanas para ser completado. A expectativa é de que as ações na região terminem, em sua maior parte, entre o fim de junho e o início de julho, levando a um deslocamento dos militares para outras áreas do enclave palestino. (ANSA).