Mundo

Irã veta celebrações do Valentine’s Day

TEERÃ, 14 FEV (ANSA) – O Irã vetou as celebrações do Valentine’s Day, que ocorre nesta sexta-feira (14) em vários países e é considerado o Dia dos Namorados.   

+ Mourão, sobre ser vice de Bolsonaro em 2022: ‘Estou trabalhando para isso’

De acordo com a agência de notícias iraniana Isna, autoridades locais proibiram que lojas comercializassem artigos de referência ao Valentine’s Day, correndo o risco de serem punidas de um a seis meses com o fechamento do estabelecimento comercial. A fiscalização ocorre, principalmente, na cidade sagrada de Qom.   

A orientação vale, inclusive, para restaurantes e cafeterias, que estão impedidos de acenderem velas ou colocarem balões nos salões. O governo e os clérigos iranianos consideram a data uma “invasão cultural” do Ocidente, a qual colocaria em risco a identidade islâmica-iraniana. Apesar das restrições, as celebrações para o Valentine’s Day têm crescido no Irã nos últimos anos, com jovens trocando presentes em forma de coração, pelúcias e chocolates. (ANSA)

Veja também

+ RJ: tráfico promete caçar quem gravou equipe do Bravo da Rocinha: ‘Vai morrer’

+ Hubble mostra nova imagem de Júpiter e sua lua Europa

+ Após morte de cachorro, Gabriela Pugliesi adota nova cadela

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea