Esportes

Inter entra em campo para evitar sexto título Sevilla na liga Europa

Indo em busca de seu sexto título da Liga Europa, o Sevilla tem pela frente um adversário experiente em finais desse torneio continental, a Inter de Milão que já chegou à cinco decisões. E as duas equipes se enfrentam nesta sexta-feira às 16h00 (hora de Brasília), na cidade alemã de Colônia, sem presença de torcedores por conta da pandemia do coronavírus.

Esta edição da competição europeia chega ao fim de forma sem precedentes, com direito à período de interrupção e fases de quartas e semifinais disputadas no sistema de jogo único em um país sede, mas reunindo duas grandes equipes do continente.

Os espanhóis são os grandes recordistas de conquistas nas últimas três décadas, com os seus cinco títulos (2006, 2007, 2014, 2015 e 2016), enquanto a equipe italiana não sabe o que é ser campeã continental desde a Liga dos Campeões de 2010.

“Eles ganharam muito nos últimos sete ou oito anos, estão em forma. Temos entusiasmo”, disse o técnico da Inter, Antonio Conte, que tem dois vencedores da competição entre seus titulares: Ashley Young (pelo Manchester United ) e Diego Godín (duas vezes pelo Atlético de Madrid).

A Inter apresenta sua dupla ofensiva como principal carta de apresentação. Romelu Lukaku e Lautaro Martínez marcaram ao todo 54 gols nesta temporada.

“Muitos jogadores estarão pela primeira vez neste tipo de jogo, eles ganham experiência neste tipo de competição”, disse Conte após eliminar na semifinal disputada na segunda-feira o Shakhtar Donetsk (5 a 0), com dois gols de cada atacante.

“Eles sabem fazer tudo e fazem bem”, disse o ex-atacante italiano Aldo Serena ao La Gazzetta dello Sport.

“Lukaku está no auge da sua força, Lautaro tem espaço para progredir e está ansioso por aprender”, acrescentou o ex-jogador da Inter na conquista da Taça Uefa de 1991 (antiga Liga Europa).

– Lucas Ocampos motivado –

O Sevilla, por sua vez, é o único representante espanhol nas competições europeias, depois que o Barcelona caiu drasticamente diante do Bayern de Munique (8 a 2) nas quartas de final da Liga dos Campeões, assim como o Atlético de Madrid contra o Atalanta (2 a 1).

O téncio Julen Lopetegui espera com esta conquista apagar as frustrações que teve à frente da seleção da Espanha e do Real Madrid.

O Sevilla também tem pontos fortes para esta final, como o atacante argentino Lucas Ocampos, autor de 17 gols neste ano, embora longe de sua melhor forma, devido às dores no joelho direito que sofreu na semifinal, da qual teve que ser susbstituído.

Aparentemente recuperado, ele participou dos últimos treinos e provavelmente estará em campo.

Com número recorde de vitórias na Liga Europa, as 41 vitórias e 126 gols marcados na competição também são marcos históricos para o Sevilla, o time atual não perde há 20 partidas jogos, quebrando o recorde do clube de 85 anos.

“Em casa, na Holanda, todo mundo conhece o Sevilla pelos cinco títulos da Liga Europa … É o torneio do Sevilla!”, resumiu o atacante Luuk de Jong, autor do gol decisivo contra o Manchester United na semifinal, disputada na quarta-feira em entrevista ao jornal AS.

pve-alu/pm/iga/lca

Veja também

+ Cantora MC Venenosa morre aos 32 anos e família pede ajuda para realizar velório
+ Homem salva cachorro da boca de crocodilo na Flórida
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ Idoso morre após dormir ao volante e capotar veículo em Douradoquara; neto ficou ferido
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel