O Dia

Inspetor penitenciário é preso por tentar entrar com celulares e drogas em Bangu

Operação Iscariotes já flagrou 16 inspetores penitenciários tentando entrar com objetos ilícitos nas cadeias

Rio – Um inspetor penitenciário foi preso, nesta terça, por tentar entrar com drogas, celulares, além de outros materiais ilícitos na unidade prisional de Bangu, Zona Oeste. A ação faz parte da Operação Iscariotes, Servidores da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap).

De acordo com a Seap, o homem teria sido flagrado tentando entrar com cinco tabletes e cinco invólucros de erva seca picada pesando cerca de 1,8 kg, com características de maconha; cinco invólucros de massa resinosa escura com cerca de 500 g, com características de haxixe; sete aparelhos celulares; cinco roteadores; cinco carregadores e duas telas de celular; e um fone de ouvido.

O material, que estava escondido em embalagens de sucos e em pacotes de lasanha, foi encontrado na Cadeia Pública José Antônio Costa Barros, no Complexo de Gericinó, em Bangu. O caso foi registrado na 35ª DP (Campo Grande).