ISTOÉ Gente

‘Incrivelmente ofendida’, diz Billie Eilish sobre quem ri de sintomas da Síndrome de Tourette

‘Incrivelmente ofendida’, diz Billie Eilish sobre quem ri de sintomas da Síndrome de Tourette

Billie Eilish posa durante estreia do filme "007 - Sem Tempo para Morrer" em Londres


Billie Eilish se abriu sobre o diagnóstico de Síndrome de Tourette em entrevista ao programa “O Próximo Convidado Dispensa Apresentações” de David Letterman que está na Netflix.

A cantora foi diagnosticada aos 11 anos. Desde então, tem que lidar com as pessoas que riem dos movimentos involuntários causados pelo distúrbio. “A maneira mais comum de as pessoas reagirem é rirem porque acham que estou tentando ser engraçada”, disse ela. “E eu sempre fico incrivelmente ofendida”. Billie ressaltou, ainda, que suas manifestações da doença, como mexer a orelha para frente e pra trás, levantar a sobrancelha, estalar a mandíbula e flexionar o braço, vêm diminuindo com o tempo.

A Síndrome de Tourette é um distúrbio neuropsiquiátrico caracterizado por movimentos repetitivos ou sons indesejados que não podem ser controlados. Eilish contou que conheceu várias pessoas dentro do meio artístico. “O engraçado é que tantas pessoas têm, você nunca saberia”, afirmou.

A próxima temporada de “O Próximo Convidado Dispensa Apresentações” conta com entrevistas com Will Smith, Cardi B, Ryan Reynolds, Kevin Durant e Julia Louis-Dreyfus.