Mundo

Incêndios na Turquia ameaçam usina termelétrica

Incêndios na Turquia ameaçam usina termelétrica

Os mais devastadores incêndios em décadas na Turquia estão destruindo florestas e ricas áreas da pecuária na costa do mar Mediterrâneo e Egeu do país - AFP


Os impressionantes incêndios que arrasam o sudoeste da Turquia há sete dias estão se aproximando de uma central termelétrica perto da cidade de Milas – alertou seu prefeito, enquanto milhares de pessoas são evacuadas por uma catástrofe que deixou oito mortos até o momento.

O prefeito de Milas, Muhammet Tokat, publicou uma série de mensagens urgentes no Twitter, alertando sobre o avanço descontrolado das chamas pela colina onde a termelétrica está instalada.

“É um lugar crítico”, disse ele em um vídeo, no qual se veem as chamas.

Tokat é membro do maior partido de oposição ao presidente Recep Tayyip Erdogan e uma das vozes críticas à gestão de Erdogan durante esta catástrofe.

O líder turco se tornou alvo de críticas e de piadas nas redes sociais, após sua visita à área afetada no fim de semana passado, realizada sob um forte esquema policial. Nela, jogou saquinhos de chá, sob os olhares de moradores atônitos.

Ontem (2), o governo informou que 145 incêndios foram sufocados e que luta para controlar outros nove. Os Ministérios do Interior e da Defesa anunciaram o envio de tropas militares para ajudar os bombeiros.

A polícia disse ainda que usará caminhões-pipa, os mesmos que são utilizados para dissolver as manifestações contra o governo.

O prefeito de Milas denunciou, porém, que suas primeiras mensagens de ajuda, solicitando aviões de combate às chamas, ficaram sem resposta.

“Era óbvio que isso ia acontecer”, tuitou, enquanto as chamas se aproximam cada vez mais da termelétrica.

Há décadas, este país de 84 milhões de habitantes vive aterrorizado pelas imagens de incêndios cada vez mais intensos, destrutivos e letais.

Apavorados, turistas na costa do mar Egeu, no sudoeste do país, tentam fugir das chamas, pulando em barcos. Enquanto isso, dezenas de vilarejos foram evacuados diante do avanço impetuoso das chamas, incentivadas por fortes ventos.

Uma equipe da AFP na cidade costeira de Marmaris registrou fazendeiros, conduzindo seus assustados animais para a relativa segurança das praias.



Veja também
+Deolane Bezerra, viúva de MC Kevin, revela que fez cirurgia na vagina
+ Vídeos mostram pessoas preparando saladas com Cheetos no TikTok
+ Mulher e filho de Schumacher falam sobre saúde do ex-piloto
+ Carvão “gourmet” que não suja as mãos vira meme nas rede sociais; ouça
+ Mãe encontra filho de 2 anos morto com bilhete ao lado ao chegar em casa
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago