Economia

IGP-M na 1ª prévia de janeiro tem alta de 0,03%, afirma FGV

O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) subiu 0,03% na primeira prévia de janeiro, após ter recuado 1,16% na primeira prévia de dezembro do ano passado. A informação foi divulgada na manhã desta quinta-feira, 10, pela Fundação Getulio Vargas (FGV). Com o dado agora divulgado, o índice acumulou alta de 0,03% no ano e avanço de 6,77% em 12 meses.

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

A FGV informou ainda os resultados dos três indicadores que compõem a primeira prévia do IGP-M de janeiro. O IPA-M, que representa os preços no atacado, caiu 0,13%, depois de ceder 1,70% em igual leitura de dezembro. O IPC-M, que corresponde à inflação no varejo, apresentou alta de 0,38% nesta análise, depois de uma redução de 0,16% na primeira prévia de dezembro. Já o INCC-M, que mensura o custo da construção, teve aumento de 0,27% na primeira medição deste mês, depois de elevação de 0,06% na primeira prévia de dezembro.

O IGP-M é usado para reajuste de contratos de aluguel. O período de coleta de preços para cálculo do índice foi de 21 a 31 de dezembro. No dado fechado de dezembro, o IGP-M recuou 1,08%.

IPAs

Os preços dos produtos agropecuários mensurados pelo IPA Agrícola recuaram 0,20% no atacado na primeira prévia do IGP-M de janeiro. Na mesma prévia de dezembro, houve redução de 1,25%.

Os produtos industriais no atacado medidos pelo IPA Industrial tiveram queda de 0,11% na primeira prévia de janeiro, ante recuo de 1,85% na mesma prévia do mês anterior, segundo a FGV.

Dentro do Índice de Preços por Atacado segundo Estágios de Processamento (IPA-EP), que permite visualizar a transmissão de preços ao longo da cadeia produtiva, os bens finais subiram 0,65% na primeira prévia de janeiro, depois da queda de 0,34% na mesma prévia de dezembro.

Os preços dos bens intermediários tiveram redução de 0,83% na prévia de janeiro, ante queda de 2,32% na primeira prévia de dezembro. Os preços das matérias-primas brutas caíram 0,20% na primeira leitura de janeiro, após uma diminuição de 2,53% na mesma prévia de dezembro.

Veja também

+Após ficar internada, mulher descobre traição da mãe com seu marido: ‘Agora estão casados’

+ Por decisão judicial, Ciro Gomes tem imóvel penhorado em processo com Collor

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Baleia jubarte consegue escapar de rio cheio de crocodilos na Austrália

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Atriz de 'O Chamado' é encontrada morta em casa

+ Câmera de segurança grava momento em que candidato a vereador é assassinado; veja o vídeo

+ Duas mulheres desfilam de biquíni em carro pelo Leblon e cena acaba em confusão; veja o vídeo

+ Tatá Werneck mostra vídeo de cobra em seu liquidificador; assista

+ Juliana Caetano do Bonde do Forró divulga vídeo de prova da banheira em reality; veja

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea