Finanças

Ibovespa abre em alta, mas cai após perdas nas bolsas de NY e petróleo em queda

O Ibovespa abriu em alta moderada nesta quarta-feira (5). Contudo, pouco depois da reabertura dos mercados acionários em NY, após o feriado de 4 de julho, o indicador passou a cair. O movimento coincidiu com a queda mais forte nos preços do petróleo e com a renovação da cotação máxima do dólar no dia ante o real.

Às 10h43, o Ibovespa caía 0,31% aos 63.036 pontos. Além da Petrobras, sensível à maior depreciação do petróleo em NY e em Londres, a Vale também passou a cair. Nesta quarta-feira, o minério de ferro (porto de Dalian) experimentou uma desvalorização. Nos primeiros 38 minutos de pregão, todas as blue chips estavam em alta. Perto do horário acima, Dow Jones recuava 0,15%. S&P 500 perdia 0,10%.

Em contrapartida à queda da commodity, os papéis da Petrobras têm influência da notícia de que a petroleira voltou a apostar na sociedade com investidores chineses para tirar do papel o Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj), refinaria que já custou US$ 13 bilhões, mas foi paralisada ainda na fase inicial de obras.

No noticiário político, uma novidade é que o presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, deputado Rodrigo Pacheco (PMDB-MG), começou na manhã desta quarta uma reunião com coordenadores de bancadas para discutir o rito de apreciação da denúncia contra o presidente Michel Temer. Enquanto os governistas pregam uma tramitação acelerada, a oposição não tem pressa e pede a oitiva de testemunhas do caso.

Tópicos

bovespa