Ediçao Da Semana

Nº 2741 - 05/08/22 Leia mais

Na última terça-feira (25), a polícia do Rio de Janeiro prendeu um homem suspeito de integrar a “quadrilha dos reboques”, grupo de criminosos que reboca carros em vias do estado e encaminha para desmanche. As informações são do G1.

Uma câmera de segurança flagrou o momento em que o dono de um carro impede que o automóvel seja roubado pela quadrilha em Niterói. Nas imagens, é possível ver um homem aparecendo em um veículo de luxo e conversando com dois motoristas que dirigiam caminhões-reboques.

Nesse momento da conversa, o dono do veículo sai de casa e impede que a ação seja concluída pelos suspeitos. De acordo com as autoridades, o criminoso do carro de luxo contratou os “reboquistas” para retirar o automóvel e levar para o local de desmanche. Uma investigação foi aberta pela 81ªDP (Itaipu) para apurar o caso.

“A gente instaurou inquérito para apurar o caso. Já temos um preso em flagrante, mas existe um grupo. Já identificamos quatro pessoas. Elas contratam um reboque, que retira o carro e leva para os receptadores de peça. Também ouvimos cinco pessoas que tiveram o carro furtado pelos reboques”, contou Fábio Barucke, delegado responsável pela investigação e titular da 81ª DP.

“O contratante do reboque passa nas ruas procurando carros que possam estar abandonados por alguns dias na rua. Ele imagina que os proprietários vão demorar a dar falta dos veículos. Ele chama o reboque e diz que o carro está parado e vai vender as peças. Os carros não precisam estar parados de forma irregular”, acrescentou o delegado.

O motorista do reboque, que foi preso em flagrante, disse que foi uma vítima da quadrilha. Segundo ele, o grupo o pagou R$ 100 para rebocar o carro. Contudo, o homem não soube explicar do que se tratava o local que ele deixava os veículos.

https://www.youtube.com/watch?v=kDhxwKIq60w