Mundo

Harry chega ao Canadá para iniciar nova vida longe da realeza

Harry chega ao Canadá para iniciar nova vida longe da realeza

Príncipe Harry, no Palácio de Buckingham, na primeira cerimônia pública desde que ele e a esposa, Meghan, renunciaram aos deveres como membros da família real - POOL/AFP/Arquivos

O príncipe Harry desembarcou nesta terça-feira (21) no aeroporto internacional de Vancouver, no Canadá, onde ele e sua esposa, Meghan Markle, planejam começar uma nova vida longe da família real britânica. O duque de Sussex deixou sua aeronave rodeado por seguranças e entrou logo em seguida em um carro que estava na pista.

De acordo com a imprensa britânica, o neto da rainha Elizabeth II se encontrará com Meghan e seu filho, Archie Harrison, pela primeira vez desde que os dois decidiram deixar suas funções na família real. Antes de viajar para o Canadá, Harry participou da Cúpula de Investimentos Reino Unido-África, em Londres, onde se encontrou com o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, e outros líderes mundiais.

Meghan, por sua vez, foi flagrada por paparazzi passeando com Archie e seus cães em uma trilha em um parque de Vancouver. A duquesa de Sussex, que apareceu sorridente, estava acompanhada por seguranças.

Os duques anunciaram, no último dia 8 de janeiro, que deixariam a função de “membros seniores” da família real para conquistarem a independência financeira. Após uma reunião entre Elizabeth II e os príncipes Charles, William e Harry, foi determinado um período de transição para o processo.

Como consequência, Harry e Meghan não poderão mais usar o título de “alteza real” e deixarão de receber dinheiro público para realizar deveres reais. Os dois também deverão ressarcir 2,4 milhões de libras (cerca de R$ 13 milhões) aos cofres públicos do país por conta da reforma da residência oficial do casal, o Frogmore Cottage, no Castelo de Windsor. Segundo o jornal britânico “Daily Mail”, o príncipe Charles, pai de Harry, pagará uma mesada pelos próximos 12 meses para o casal. O dinheiro virá da fortuna pessoal do duque da Cornualha.(ANSA)