Esportes

Hamilton vence GP marcado por novo fiasco da Ferrari

SÃO PAULO, 12 JUL (ANSA) – Sem encontrar dificuldade, o hexacampeão Lewis Hamilton venceu neste domingo (12) o Grande Prêmio da Estíria da Fórmula 1, se recuperando do discreto quarto lugar alcançado na semana passada.   

O britânico da Mercedes terminou à frente de seu companheiro de equipe e líder do campeonato, Valtteri Bottas, que roubou a segunda colocação de Max Verstappen, da Red Bull, na parte final da prova.   

O holandês fechou o pódio, com o tailandês Alexander Albon, também da RBR, em quarto lugar. O jovem Lando Norris, revelação da McLaren, fez três ultrapassagens na última volta e ficou em quinto, enquanto Sergio Perez (Racing Point), em uma brilhante corrida de recuperação, terminou em sexto.   

Lance Stroll (Racing Point), Daniel Ricciardo (Renault), Carlos Sainz (McLaren) e Daniil Kvyat (AlphaTauri) fecharam a zona de pontuação. Os dois pilotos da Ferrari, Sebastian Vettel e Charles Leclerc, abandonaram a prova após uma colisão logo na primeira volta. O monegasco admitiu a culpa pelo acidente.   

Essa foi a 85ª vitória de Hamilton, que fica a apenas seis de igualar o recorde de Michael Schumacher. Em busca do heptacampeonato, outro recorde do alemão, o britânico está agora em segundo lugar no campeonato, com 37 pontos.   

+ Menina engasga ao comer máscara dentro de nugget do McDonald’s

Bottas, que venceu a primeira corrida do ano, é o líder, com 43.   

(ANSA)

Veja também

+ Caixa libera FGTS emergencial para nascidos em julho nesta segunda-feira (10)

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Carol Nakamura anuncia terceira prótese: ‘Senti falta de seios maiores’

+ Ex-Ken humano, Jéssica Alves exibe visual e web critica: ‘Tá deformada’

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?