Com o objetivo de retornar ao G-4 da Série B do Campeonato Brasileiro, o Santos terá força máxima para enfrentar o Mirassol nesta terça-feira, às 19h, no Estádio José Maria de Campos Maia, pela 12ª rodada. Guilherme, que foi poupado das atividades na última sexta-feira, voltou a treinar normalmente neste domingo e tem grandes chances de ser confirmado entre os titulares, até por ser um dos pilares do esquema tático do técnico Fábio Carille.

O treinador, inclusive, não terá desfalques por suspensão e nem por lesão, a exceção, claro, é o goleiro João Paulo, que deve retornar apenas na próxima temporada. Apesar de ter marcado na vitória sobre o Goiás por 2 a 0, o atacante Willian Bigode deve continuar entre os reservas.

A expectativa é que o Santos entre em campo com: Brazão; JP Chermont, Gil, Joaquim e Escobar; João Schmidt, Diego Pituca e Giuliano; Pedrinho, Guilherme e Furch.

Os meias Cazares e Patrick continuam sem ter o futuro definido e não devem permanecer no Santos. Os jogadores foram liberados para procurar outros clubes e devem sair após a abertura da janela de transferência, assim como o volante Nonato.

O Santos tem 18 pontos e pode retornar ao G-4 do Brasileirão em caso de vitória sobre o Mirassol. O time fará o último treino, visando o duelo diante do Mirassol, nesta segunda-feira, no CT Rei Pelé.