Economia

Guedes diz acreditar em solução para precatórios respeitando o teto de gastos


O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta sexta-feira, 10, que se reunirá na próxima semana com os presidentes das duas Casas do Congresso Nacional e do Supremo Tribunal Federal (STF) para discutir o pagamento dos precatórios em 2022. “Acredito que encontraremos uma solução para precatórios respeitando o teto de gastos”, afirmou Guedes, em evento do Credit Suisse.

Na quinta-feira, o vice-presidente da Câmara dos Deputados, Marcelo Ramos (PL-AM), apresentou uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que retira os precatórios do teto de gastos (regra que limita o crescimento das despesas à variação da inflação). “É nosso dever alertar outros poderes de que suas decisões têm consequências econômicas”, disse Guedes nesta sexta.

O ministro rebateu ainda críticas de que o governo teria como prever o valor a ser pago com essas dívidas judiciais. “Tivemos quase R$ 20 bilhões (em precatórios) nos últimos dez dias, como alguém pode prever isso?”, questionou.

No evento, Guedes disse ainda que a transformação de uma recuperação cíclica para o desenvolvimento sustentável “já está contratada” e que o governo tem um compromisso com a consolidação fiscal. “Pode desacelerar, mas não vamos mudar a direção. Mantivemos nosso compromisso com as futuras gerações em todas as ações”, completou.


Saiba mais
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ SP: Homem morre em pé, encostado em carro, e cena assusta moradores no litoral
+ Andressa Urach pede dinheiro na internet: ‘Me ajudem a pagar a fatura do meu cartão’
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua