Brasil

Governo se preocupa com reação da China aos ataques de Eduardo Bolsonaro

Crédito: Cleia Viana/Câmara dos Deputados

A cúpula do governo de Jair Bolsonaro ficou preocupada com a reação da China após os ataques do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) ao país. As informações são do Gerson Camarotti, do G1.

+China reage a Eduardo Bolsonaro e diz que Brasil poderá ‘arcar com consequências’

O deputado acusou o país asiático de espionagem, através da rede 5G. A embaixada chinesa reagiu com uma nota de “repúdio” e “insatisfação ao comportamento do deputado”.

Segundo Camarotti, um experiente embaixador disse que a repercussão da fala de Eduardo é “maior que a de qualquer ministro” e que o Brasil “só tem a perder se entrar nesta briga por ideologia”.


+ Grávida do quinto filho, influenciadora morre aos 36 anos
+ Após assassinar a esposa, marido usou cartão da vítima para fazer compras e viajar com amante

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel