Brasil

Governo prorroga auxílio emergencial por mais 4 meses

Crédito:  Isac Nóbrega/PR

SÃO PAULO, 1 SET (ANSA) – O presidente da República, Jair Bolsonaro, anunciou nesta terça-feira (1º) que o auxílio emergencial será prorrogado até o mês de dezembro, mas com o valor de R$ 300.

O benefício foi criado para ajudar trabalhadores informais que perderam suas rendas em decorrência da pandemia do novo coronavírus. O anúncio de Bolsonaro foi realizado após uma reunião com ministros e parlamentares no Palácio da Alvorada, em Brasília.

O auxílio emergencial estava previsto para durar apenas nos meses de abril, maio e junho, mas ganhou outras duas parcelas de R$ 600 para julho e agosto. A partir de agora, irá até o final do ano com quatro pagamentos.

“Resolvemos prorrogar o auxílio por medida provisória até o final do ano. O valor definido é um pouco superior a 50% do Bolsa Família. R$ 300 reais”, afirmou o presidente.

Bolsonaro, no entanto, não informou os detalhes de quando ou como as quatro parcelas serão pagas. (ANSA).


Saiba mais
+ Andressa Urach pede dinheiro na internet: ‘Me ajudem a pagar a fatura do meu cartão’
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ SP: Homem morre em pé, encostado em carro, e cena assusta moradores no litoral
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua