Mundo

Governo francês acolherá 500 menores migrantes de Lesbos

PARIS, 23 SET (ANSA) – O governo francês decidiu acolher 500 crianças e adolescentes do campo de refugiados de Moria, na ilha grega de Lesbos, que foi destruído por um incêndio.   

A decisão foi anunciada nesta quarta-feira (23) pelo Secretário de Estado dos Assuntos Europeus, Clément Beaune, durante entrevista a rádio RTL.   

“A França já se comprometeu claramente a acolher 350 menores e agora estamos comprometidos em receber mais 150”, afirmou.   

Nas últimas semanas o presidente francês, Emmanuel Macron, já havia expressado a necessidade de ser solidário com a Grécia, que tem atualmente 12 mil migrantes no campo de Moria, onde há capacidade apenas para 2,8 mil.   

A força-tarefa teve início depois de milhares de migrantes ficarem desalojados na ilha na madrugada de 8 de setembro após um incêndio praticamente destruir o centro de acolhimento.   

(ANSA)

Veja também

+ Confira 4 dicas para descobrir se o mel é falsificado

+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"

+ MG: Pastor é preso por crime sexual e alega que caiu em tentação

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Telefone de jornalista argentino roubado ao vivo em Buenos Aires

+ Márcia Bonde divulga vídeo e deixa fãs sem fôlego

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+Vídeo mostra puma perseguindo um corredor em trilha nos EUA

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar