Geral

Governo Bolsonaro acredita que perda de valor da Petrobras é reversível, diz colunista

Crédito: AFP/Arquivos

Foto de arquivo de 2018 mostra o então presidente eleito Jair Bolsonaro (E) e o então ministro da Defesa, general Joaquim Silva e Luna, em Itaguaí, Rio de Janeiro (Crédito: AFP/Arquivos)

Auxiliares do presidente Jair Bolsonaro consideram que a queda das ações da Petrobras, após o anúncio da troca do comando da estatal, é algo “pontual e reversível”. As informações são da colunista Carla Araújo, do UOL.

O anúncio do presidente também gerou a desvalorização de outras estatais e de empresas privadas. Interlocutores de Bolsonaro dizem que o general Joaquim Silva e Luna teve um trabalho positivo durante seu comando na Itapu Binacional e que ele é “capaz” de cumprir a missão que lhe foi dada.

Veja também

+ Aprenda a preparar o delicioso espaguete a carbonara
+ Vídeo: o passo a passo de como fazer ovo de Páscoa
+ Cientistas desvendam mistério das crateras gigantes da Sibéria
+ Sexo: saiba qual é a melhor posição de acordo com o seu signo
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Editora estreia com o romance La Cucina, uma aventura gastronômia e erótica