Esportes

Goiás fecha acordo com elenco para redução salarial dos vencimentos de maio

Visando manter o equilíbrio financeiro durante a pandemia do novo coronavírus, o Goiás costurou mais um acordo com seu elenco para uma redução salarial dos vencimentos do mês de maio. Diferente de outros clubes que fizeram acordos por três meses, o time goiano está negociando com seus jogadores mês a mês.

Em uma reunião online nesta segunda-feira ficou acordado que será descontado 40% dos salários dos jogadores no mês de maio. Em abril, o corte tinha sido um pouco maior, quase 50%. Segundo o acordo, parte do valor pode ser ressarcido assim que o futebol voltar.

Diferente dos jogadores, a comissão técnica aceitou os mesmos 50% neste mês de maio. Os acordos dos próximos meses ainda não foram alinhados. Caso os treinos voltem a acontecer em junho, a esperança é que não haja mais reduções. O Goiás já apresentou um protocolo de segurança contra o coronavírus para o governo estadual para poder voltar a treinar.

Todos os acordos, desde o mês de abril, estão sendo alinhados com o auxílio do Sindicato dos Atletas Profissionais do Estado de Goiás. A diretoria entende que desta forma não terá problemas futuros com cobranças judiciais. As medidas estão seguindo a Medida Provisória 936, do governo federal.

Veja também

+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial

+ Pudim japonês não tem leite condensado; aprenda a fazer

+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"

+ Mulher sobe de salto alto montanha de 4 mil metros

+ MG: Pastor é preso por crime sexual e alega que caiu em tentação

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+Vídeo mostra puma perseguindo um corredor em trilha nos EUA

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar