Esportes

Globo, Omelete Company e o streamer trazem maiores ligas do mundo de CS:GO ao Brasil

Empresas se uniram para tornar possível exibição dos campeonatos aos brasileiros

Globo, Omelete Company e o streamer trazem maiores ligas do mundo de CS:GO ao Brasil

CS:GO domina público brasileiro

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

O CS:GO é o segundo game esportivo mais consumido no planeta e uma das principais referências para os brasileiros, com grandes ídolos no cenário nacional. Uma parceria entre Globo, Omelete Company e o streamer Gaules coloca o Brasil na rota dos maiores eventos de Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO).

Pelos próximos três anos, será possível acompanhar todas as etapas do circuito ESL Pro Tour e os maiores eventos da DreamHack e da ESL, maior empresa de eSports do mundo. O primeiro evento da parceria é o Dream Hack Open Summer – o SporTV3 transmite a final ao vivo no dia 16.

A Globo vai promover e transmitir ao vivo as principais partidas do ESL Pro Tour nos canais SporTV. Gaules, integrante da Omelete Company, exibirá as partidas nos seus canais digitais. Serão realizadas duas transmissões: uma mais descontraída, na stream do Gaules; e outra nos canais SporTV e na ‘Gaules TV’, com a participação de casters e comentaristas especializados.

– Desde 2017 a Globo realiza investimentos no mundo dos games e eSports. As grandes competições mundiais de esportes eletrônicos em nada perdem para grandes competições de esportes tradicionais. Grandes ídolos, times fortes, torcidas apaixonadas, espetáculo, competitividade e altas premiações. A partir desta parceria da Globo com Omelete e Gaules, levaremos os melhores conteúdos de CS:GO do mundo para os fãs brasileiros. Desde o mais fanático da comunidade até ao público mainstream, que vai conhecer e celebrar os atletas brasileiros que se destacam nestas competições – diz Leandro Valentim, head de games e eSports da Globo.

Como parte da parceria, Globo e Omelete Company, como principais parceiros de mídia da ESL e da DreamHack no Brasil, adquiriram os direitos de executar iniciativas de marketing nas mídias sociais e de organizar fan fests para proporcionar aos fãs a oportunidade de assistir torneios pré-selecionados, mesmo que remotamente.

– Uma das maiores empresas de entretenimento do Brasil, a Omelete Company, que nasceu na internet e agora permite experiências incríveis para milhões de pessoas, firmou uma parceria com um dos maiores meios de comunicação do mundo, a Globo, e com um streamer de nível mundial, o Gaulês, com o objetivo de estabelecer o que tem sido considerado uma das estratégias de cobertura de eSports mais ousadas do mundo – diz Pierre Mantovani, CEO da Omelete Company.

O que dizem os parceiros:

– Uma parceria com a ESL e a DreamHack é ótima, pois nos permite expandir o tipo de conteúdo que oferecemos à comunidade de jogos. Estou muito feliz que podemos oferecer aos entusiastas de eSports a oportunidade de escolher como assistir às sessões de streaming! Especialmente porque teremos uma equipe talentosa para fazer com que isso seja possível. Vamos torcer juntos e nos divertir como fãs! – enviou o texto a plataforma Gaules.

– Temos o prazer de trabalhar juntos no Brasil com a Globo, uma empresa líder em mídia de massa, e a Omelete Company, uma empresa representativa de entretenimento. Ao fazer parcerias com ambas as empresas, os fãs brasileiros agora podem desfrutar de uma experiência de visualização premium por vários canais. Com a Globo atendendo à audiência linear da TV e a Omelete Company entregando nosso conteúdo para plataformas digitais apoiadas pelo melhor streamer local, a parceria permite que mais fãs no Brasil desfrutem do eSports profissional da maneira que quiserem – falou Frank Uddo Vice-Presidente Sênior de Mídia Global da ESL.

– Todos nós da DreamHack temos o prazer de trazer nosso grande conteúdo para a América do Sul através desta nova parceria com a Globo e a Omelete Company. Com seu impressionante alcance, agora poderemos nos conectar com ainda mais entusiastas de eSports na América do Sul. O jogo reúne comunidades — e não poderia haver uma melhor hora para trazer aos fãs a emoção dos eSports – disse Roger Lodewick, co-CEO da DreamHack.

Veja também

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Baleia jubarte consegue escapar de rio cheio de crocodilos na Austrália

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Morre mãe de Toni Garrido: “Descanse, minha rainha Tereza”

+ Após morte de cachorro, Gabriela Pugliesi adota nova cadela

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea