Brasil

Gilmar Mendes concede prisão domiciliar a acusado de operar QG da propina no Rio


O empresário Rafael Alves, preso sob a acusação de ser o operador do “QG da Propina” na gestão de Marcelo Crivella na prefeitura do Rio, teve sua prisão preventiva convertida em domiciliar, por decisão do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Segundo o portal G1, a decisão do ministro, publicada na sexta-feira, 26, determina que o empresário use tornozeleira eletrônica.

Rafael Alves foi preso na terceira fase da Operação Hades, deflagrada no último dia 22 de dezembro pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) e pela Polícia Civil, que resultou na prisão preventiva também do ex-prefeito Marcelo Crivella.

Segundo o MPRJ, os acusados integravam uma organização criminosa que cometia crimes de corrupção, peculato, fraudes em licitações e lavagem de dinheiro.

Crivella teve logo a prisão preventiva convertida em domiciliar, mas uma ordem expedida também pelo ministro Gilmar Mendes permitiu que respondesse ao processo em liberdade desde 13 de fevereiro. A decisão de Mendes determinava que o ex-prefeito, acusado de chefiar o esquema de corrupção no executivo municipal, entregasse o passaporte à Justiça e proibia o contato com os demais investigados.


+ Homem que vivia ‘casado’ com a própria filha é preso após polícia investigar agressão contra criança
+ Família de Schumacher coloca mansão à venda por R$ 400 milhões
+ Pão de Queijo: faça uma das receitas mais gostosas do Brasil



Veja também

+ Receita de bolinho de costela com cachaça
+ Cientistas descobrem nova camada no interior da Terra
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS