Economia

Gestora Truxt foi a responsável pela alta da Boa Safra na estreia na Bolsa


Em comunicado ao mercado divulgado hoje, a novata Boa Safra Sementes – que estreou na Bolsa de valores brasileira (B3) em 29 de abril – informou que a gestora Truxt Investimentos alcançou participação de 6,75% do total de ações ordinárias (ON) da companhia.

“Os fundos ou carteiras de investimentos geridos pela Truxt adquiriram ações ordinárias de emissão da companhia, passando a deter em conjunto, naquela data (29/04), um total de 7,5 milhões de ações de mesma classe (SOJA3)”, informou o comunicado à CVM.

Isso explica a movimentação expressiva do papel da Boa Safra no dia 29 de abril último, quando o papel valorizou 46,46% na estreia na B3, a maior alta do mercado naquele dia.

O comunicado completa que a Truxt tem “por objetivo investimento e não visa alterar a composição do controle ou a estrutura administrativa da companhia”, informou a Boa Safra.

Veja também
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ ‘Transo 15 vezes na semana’, diz Eduardo Costa ao revelar tratamento por vício em sexo
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago