Mundo

França receberá 400 migrantes que estão na Grécia

França receberá 400 migrantes que estão na Grécia

Tendas de abrigo do campo de refugiados de Vial, na ilha grega de Chios - AFP

A França anunciou nesta quinta-feira que receberá nos próximos meses 400 requerentes de asilo que estão na Grécia, país sob forte pressão migratória.

“Queremos ajudar a Grécia a lidar com o aumento dos fluxos migratórios dos últimos meses”, recebendo “400 pessoas que chegaram ao território grego”, disse o embaixador francês em Atenas, Patrick Maisonnave.

A Grécia tornou-se em 2019 a primeira porta de entrada de migrantes para a Europa.

O governo conservador grego de Kyriakos Mitsotakis anunciou em novembro o fechamento dos três campos mais populosos e insalubres e sua substituição por centros fechados, para triplicar a capacidade de recepção nas ilhas de Lesbos, Samos e Chios.

Também prometeu o retorno à Turquia de 10.000 pessoas cujo pedido de asilo foi negado e a transferência de 20.000 solicitantes de asilo para o continente grego.

No entanto, de acordo com a Organização Internacional para as Migrações, os campos do continente já abrigam 22.000 pessoas e quase excedem sua capacidade.