Mundo

Fóssil de tigre dentes-de-sabre é vendido por US$ 84,2 mil em leilão

Fóssil de tigre dentes-de-sabre é vendido por US$ 84,2 mil em leilão

O esqueleto leiloado hoje foi descoberto no ano passado, em um rancho localizado no estado americano de Dakota do Sul - AFP


Um esqueleto praticamente completo de um tigre dentes-de-sabre de 40 milhões de anos foi vendido nesta terça-feira por 84,2 mil dólares durante um leilão organizado em Genebra.

Descoberto no ano passado, em um rancho localizado no estado americano de Dakota do Sul, o fóssil, de 1,20 m de comprimento e cerca de 40 cm de altura, foi vendido em um minuto, durante sessão dedicada à paleontologia. “O comprador é um colecionador particular suíço”, informou à AFP a porta-voz da casa de leilões, Fanny Moncorgé. O esqueleto da espécie de Hoplophoneus, nome científico desse tipo de grande lince, está 90% completo.

O colecionador suíço Yann Cuenin ofereceu em leilão cerca de 40 peças de história natural. Uma barbatana de 85 cm de um mosassauro foi arrematada por 7.876 dólares. Já um dente de tiranossauro rex, o dinossauro mais conhecido, foi vendido por 5.625 dólares, o dobro do preço inicial.

As vendas ligadas à paleontologia não costumam ser do agrado de muitos especialistas, os quais consideram que muitos fósseis vendidos a particulares não fazem a ciência avançar.


Saiba mais
+ Andressa Urach pede dinheiro na internet: ‘Me ajudem a pagar a fatura do meu cartão’
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ SP: Homem morre em pé, encostado em carro, e cena assusta moradores no litoral
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua