Geral

Força-tarefa concentra buscas por Lázaro em Águas Lindas de Goiás

Crédito: Divulgação/ PCGO

Lázaro Barbosa estava foragido desde o dia 9 de junho (Crédito: Divulgação/ PCGO)


No 20º dia de buscas por Lázaro Barbosa, a força-tarefa está concentrada nesta segunda-feira (28) em um bairro de Águas Lindas de Goiás, no Entorno do Distrito Federal, onde testemunhas alegam ter visto o criminoso. O local fica a cerca de 20 km de onde foi montada a base da operação.

++ URGENTE – Lázaro Barbosa é morto após troca de tiros com a polícia

“Quando a polícia chegou, tentou negociar com ele, falaram: ‘Lázaro, conversa com a gente, vamos negociar’. Mas ele correu para o mato”, contou um morador ao G1. Ainda de acordo com vizinhos, Lázaro estaria na região desde sábado (26).

Nesta manhã, a ex-mulher de Lázaro, que mora na cidade, foi levada para a Central de Flagrantes da Polícia Civil. A ex-mulher foi levada por policiais civis e está prestando depoimento. Conforme a força-tarefa, são cumpridos mandados judiciais em Águas Lindas de Goiás.

Histórico de Lázaro Barbosa

Há 20 dias, mais de 200 policiais participam das buscas pelo serial killer. As ações são comandadas pela Secretaria de Segurança Pública de Goiás (SSP-GO), com a ajuda de equipes do DF e das Polícias Federal e Rodoviária Federal.

Lázaro já possui uma condenação por homicídio, na Bahia, e é também procurado no DF e em Goiás por crimes de roubo, estupro e porte ilegal de arma de fogo. Ele foi preso em 2009, mas conseguiu fugir do Complexo Penitenciário da Papuda, no Distrito Federal, em 2016. À época, não retornou da saída temporária de Páscoa. Em 2018, ele foi detido novamente, desta vez em Águas Lindas de Goiás, mas escapou da prisão poucos meses depois.

O homem que a polícia persegue é acusado de matar, a tiros e facadas, três pessoas na zona rural de Ceilândia, no último dia 9. Os mortos eram Cláudio Vidal de Oliveira, de 48 anos, e os filhos Gustavo Marques Vidal, de 21, e Carlos Eduardo Marques Vidal, de 15. O foragido também é apontado como responsável pelo sequestro da mulher de Cláudio, Cleonice Marques de Andrade, de 43 anos. O corpo dela foi encontrado no dia 12 de junho à beira de um córrego.

Lázaro também é investigado como suspeito da morte de um caseiro de uma fazenda no distrito de Girassol, em Cocalzinho de Goiás, no último dia 5. Durante a fuga dos últimos dias, Lázaro invadiu chácaras, furtou um carro e o abandonou na BR-070, fez uma família refém e trocou tiros com a polícia.

Veja também
+Deolane Bezerra, viúva de MC Kevin, revela que fez cirurgia na vagina
+ Vídeos mostram pessoas preparando saladas com Cheetos no TikTok
+ Mulher e filho de Schumacher falam sobre saúde do ex-piloto
+ Carvão “gourmet” que não suja as mãos vira meme nas rede sociais; ouça
+ Mãe encontra filho de 2 anos morto com bilhete ao lado ao chegar em casa
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago