Esportes

Fora de casa, Atlético-MG estreia na Sul-Americana contra time argentino

O Atlético-MG estreia na Copa Sul-americana contra o Unión, nesta quinta-feira, às 21h30 (horário de Brasília), no estádio 15 de Abril, em Santa Fe, tratada como prioridade pelo clube em 2020, tanto que chegou na Argentina dois dias antes da partida, tendo se preparado no CT do Newell’s Old Boys, em Rosário.

“Esta competição internacional é muito importante para os jogadores, para o clube e para todos nós. A equipe chega bem. O planejamento do início da temporada, do ano, tem sido focada nesta competição, nesta grande estreia. Vamos chegar com uma quantidade de minutos e um trabalho acumulado valioso para começar bem”, disse o técnico Rafael Dudamel, uma das apostas do clube para a competição.

Dudamel tem feito mistério na escalação do Atlético. O garoto Marquinhos, de 20 anos, tem chamado a atenção do treinador e poderá surgir na vaga de Edinho. Além do suspense, o comandante está de olho no adversário.

“(Unión) é uma boa equipe, com um trabalho muito bom, com um padrão tático bem definido, com uma identidade estabelecida. Como sempre: o jogador argentino tem sua luta, sua competitividade. Tudo isso faz de um jogo como esse uma ocasião especial”.

Leonardo Madelón, técnico do Unión, não deixou por menos e também afirmou que observou o Atlético para a partida da Sul-Americana.

“Vimos várias partidas do Atlético Mineiro. Sabemos como jogam e estudaremos a forma de atuar. Vamos jogar com bolas novas, que vamos começar a tocar a partir do nosso regresso a Santa Fé”, revelou.

Adversário atleticano, o Unión tentará se recuperar após a derrota para o Estudiantes, por 3 a 1, pelo Campeonato Argentino. Na modesta 17ª colocação, o Unión soma 23 pontos.