Esportes

Fluminense aposta em reforços contra a Ponte para subir na tabela do Brasileiro

A nova aposta do Fluminense está nos pés dos jogadores recém-contratados. Irregular na competição e sem objetivo definido, o time tricolor espera fechar o primeiro turno bem colocado para entrar no grupo de frente. Para isso, precisa evoluir e vencer a Ponte Preta, neste domingo, às 11 horas, no estádio Giulitte Coutinho, em Mesquita (RJ).

Com 21 pontos, o clube carioca está na parte inferior da tabela de classificação e inicia a rodada 11 pontos atrás do líder, Palmeiras. Já a Ponte Preta está mais bem colocada, com 24 pontos, mas distante da faixa da Libertadores da América, que se inicia com o Santos, com 29.

Uma novidade é certa na equipe. Recém-contratado, o atacante Wellington estreou na vitória contra o Ypiranga e agradou ao treinador, diferentemente dos companheiros de posição Marcos Junior, Osvaldo e Richarlison, que ganharam oportunidades, mas não convenceram. Outra novidade é Henrique Dourado, que também apareceu pela primeira vez na quarta-feira, mas sem brilho.

No banco de reservas, mais duas opções. Campeão brasileiro em 2010 com o Flu, Marquinho retornou ao clube e está à disposição. Danilinho, que também foi contratado recentemente, está regularizado e é outro que fica como opção para o treinador, que chegou a demonstrar insatisfação com o elenco e resultados durante a temporada.

Mas, mesmo com as contratações, a melhor notícia para Levir é a volta de Gustavo Scarpa. Após um problema no joelho, o jogador atuou durante a semana e será titular mais uma vez. Assim, Cícero será recuado para atuar como volante ao lado de Douglas.

Sobre o horário matinal, o treinador reconhece as dificuldades pelo calor, mas acha que o desgaste é válido. “O horário é melhor para o torcedor que para os atletas. Lembro da experiência em Minas e ela foi boa, principalmente na participação do torcedor. E agora nós precisamos da torcida”, convocou.