Geral

Flordelis dava ‘regalias’ a filhos de primeira geração, diz polícia

Crédito: Divulgação

RETRATO PADRÃO O pastor Anderson e a mulher, a deputada federal Flordelis: o sorriso traduzia mesmo alegria? (Crédito: Divulgação)


O inquérito da Polícia Civil do Rio de Janeiro sobre o assassinato do pastor Aderson do Campos concluiu que a “primeira geração” da família da deputada federal Flordelis tinham privilégios em relação aos outros filhos adotados pela pastora. No total, a casa de Flordelis abrigava 55 filhos. As informações são do G1.

De acordo com a Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSGI), a casa de Flordelis, em Niterói, no Rio de Janeiro, era dividida. Os filhos biológicos e os primeiros a serem adotados, em total de oito, tinham acesso à melhor comida e a quartos melhores na casa em comparação aos outros 47 que chegaram depois.

Conforme a investigação, o grupo da “primeira geração” tinha acesso à uma geladeira e a uma despensa, ambas localizadas no segundo andar da casa. Enquanto isso, os outros filhos dividiam quartos coletivos no terceiro andar ou então ficavam limitados à uma alimentação de qualidade inferior.

O quarto de Flordelis e Anderson também ficava no segundo andar. No cômodo havia a geladeira à disposição dos oito privilegiados. Os depoimentos dos filhos adotivos prestados à polícia mostraram um cenário de mágoas e ressentimentos.

Segundo os investigadores, as tentativas de matar o pastor começaram em maio de 2018 por meio de envenenamento. Flordelis teria tentado assassinar Anderson dessa forma ao menos seis vezes. Ela também chegou a contratar pistoleiros em outras duas oportunidades. Ainda de acordo com as investigações, ela estaria insatisfeita com a forma com que o pastor geria o dinheiro da família.

Além de Flordelis, mais dez pessoas foram denunciadas pelo assassinato do pastor morto em junho de 2019. Por exercer mandato parlamentar, Flordelis não pode ser presa neste momento. Apesar disso, ela já é ré no processo e será julgada em primeira instância junto aos demais acusados.