Esportes

Flamengo vai à Justiça e pede indenização do Governo por conta de meia-entrada

Rubro-Negro acionou a União e pediu reparação financeira por prejuízos com meia-entrada nos últimos cinco anos. Em resposta, juiz deu 15 dias para clube fixar valor da causa

Flamengo vai à Justiça e pede indenização do Governo por conta de meia-entrada

em fevereiro: Fla processou o Governo (Foto: Divulgação / Presidência da República)

O departamento jurídico do Flamengo segue ativo nos bastidores. Além do imbróglio com a Rede Globo, o clube entrou com uma ação contra a União pedindo indenização do Governo Federal em cima dos valores de meia-entrada que praticou nos últimos cinco anos em suas partidas. A informação inicial é do site “Esporte News Mundo”.

No caso, que corre na 19ª Vara Federal do Rio da Justiça Federal do Rio de Janeiro, o Flamengo deseja que seja reconhecido que, “na qualidade de clube privado”, não tenha o “dever de participar do custeio da meia entrada instituída por lei para dar acesso à cultura”.

Assim, o Rubro-Negro deseja que o Governo seja condenado a “indenizar os valores”, pois o clube:

– Deixou de receber por conta da concessão do benefício da meia-entrada, na proporção de 100% do total do desconto dado (50% de cada ingresso vendido), nos últimos cinco anos, a contar da data de propositura da presente ação – diz trecho do documento emitido pelo Flamengo.

O Flamengo estipulou um valor de R$ 200 mil a ser embolsado, porém o juiz federal Fabrício Fernandes de Castro, titular da 19ª Vara Federal, alegou que “o valor da causa deve refletir o valor dos créditos constatados” e, por fim, estipulou um prazo de 15 dias para que o valor seja revisto.

Veja também

+ Neto de Elvis Presley é encontrado morto, diz site
+ Gafanhotos: cidade na Bahia enfrenta invasão de insetos
+ Usado: Toyota Corolla é carro para ficar longe da oficina
+ Cientistas localizam o centro do Sistema Solar — e advinhem, não é o Sol
+ Filho de David Beckham fica noivo de atriz filha de bilionário
+ Royal Enfield Interceptor 650 a moto mais vendida no Reino Unido
+ A “primavera das bikes” pós-pandemia vai chegar ao Brasil?
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior