O Dia

Flamengo e auxiliar de Jorge Jesus recebem punições da Conmebol

Rubro-negro está na semifinal da Libertadores

Rio – A Conmebol divulgou nesta quarta-feira punições para o Flamengo e sua comissão técnica, referente a partida de volta da Libertadores, contra o Internacional, no Beira-Rio. O clube terá que pagar uma multa de três mil dólares (cerca de R$ 12,1 mil) por “quebra de protocolo”, e o auxiliar técnico de Jorge Jesus, João de Deus, que foi expulso da partida, terá que arcar com 1,5 mil dólares em multa (cerca de R$ 6 mil). As informações são do jornalista Venê Casagrande.
A punição imposta para o clube carioca se deu por conta de uma quebra de protocolo de Jorge Jesus. Ao fim da partida, o técnico português ficou na porta do vestiário rubro-negro para cumprimentar seus jogadores, o que é proibido, de acordo com a entidade.

João de Deus foi punido após ser expulso durante o jogo. O auxiliar técnico recebeu a notícia da expulsão no vestiário e não estava na beira do campo no empate em 1 a 1 contra o Colorado. Além de pagar uma multa de aproximadamente R$ 6 mil, João de Deus estará fora da partida de ida, contra o Grêmio, pela semifinal da Libertadores, em Porto Alegre.