Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

A Fitch Ratings informou nesta quinta-feira, 2, que retirou os ratings de inadimplência de emissores em moeda estrangeira de longo prazo (IDR, na sigla em inglês) da incorporadora chinesa Evergrande e das subsidiárias Hengda Real Estate Group e Tianji. Desde o ano passado, a empresa enfrenta uma grave crise de liquidez, em meio à desaceleração da economia da China. De acordo com a agência, a companhia decidiu abandonar o processo de elaboração de nota de crédito. “Assim, a Fitch não fornecerá mais ratings ou cobertura analítica para a Evergrande e suas subsidiárias”, explica.