Geral

Fiscalização interrompe festa que reunia cerca de 600 pessoas

Crédito: Divulgação/Guarda Municipal de Contagem

No último sábado (06), a fiscalização interrompeu uma festa que reunia cerca de 600 pessoas em Contagem, em Minas Gerais. O espaço foi interditado e lacrado e o responsável foi localizado, mas ninguém foi preso.

Segundo o G1, o evento vinha sendo divulgada nas redes sociais desde 3 de fevereiro, mas sem revelar o endereço onde seria realizada. Entre as atrações, havia até DJs internacionais.

A festa tinha alvará de funcionamento e a venda de ingressos acontecia por meio de reserva de mesas. Porém, a fiscalização flagrou diversas pessoas em pé, sem máscara e nem distanciamento entre elas. 

O decreto em vigor em Contagem proíbe especificamente a realização de “eventos particulares de qualquer natureza que tenham mais de 10 (dez) pessoas, inclusive em residências e condomínios habitacionais”, além de suspender o funcionamento de “casas de shows e espetáculos de qualquer natureza”, assim como “boates, danceterias e salões de dança”.

Apesar de o responsável pela festa ter sido identificado, não houve outras punições além da interdição e do fechamento do local.


+ MS: Homem que revelou amante pouco antes de ser intubado deixa UTI-covid
+ Ratinho critica Dudu Camargo: ‘Só o Silvio gosta dele’



Veja também

+ Receita de bolinho de costela com cachaça
+ Descoberta no deserto do Kalahari leva a revisão da origem humana
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Vídeo: o passo a passo de como fazer ovo de Páscoa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS