Mundo

Finlândia terá a primeira-ministra mais jovem do mundo

Crédito: Vesa Moilanen / Lehtikuva / AFP

TALLINN, 9 DEZ (ANSA) – Com apenas 34 anos, a finlandesa Sanna Marin se tornará a mais jovem primeira-ministra em todo o mundo.

Eleita à frente de uma coalizão de centro-esquerda formada por outros quatro partidos também encabeçados por mulheres, Marin assumirá o governo da Finlândia nesta semana. Ela foi escolhida pelo Partido Social-Democrata após a renúncia da primeira-ministra Antti Rinne.

Sanna Marin era ministra dos Transportes da Finlândia. Quando assumir o cargo, ela será a líder mundial mais jovem, ao lado da primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, que tem 39 anos, e do premiê ucraniano Oleksiy Honcharuk, de 35.

Sebastian Kurz, da Áustria, tem 33 anos e foi premier com 31.

Mas está, no momento, não está no governo. “Eu nunca levei em conta minha idade ou meu gênero. Eu penso nas razões que me levaram à política e nas coisas que me fizeram ganhar a confiança do eleitorado”, disse Marin, rebatendo críticas sobre sua idade. De acordo com o jornal local “YLE”, Marin foi criada por mãe solteira e é o primeiro membro da sua família a cursar uma universidade. Ela é mestre em Administração pela Universidade de Tampere e foi eleita, em 2015, a seu primeiro mandato no Parlamento. A Finlândia é a atual presidente rotativa da União Europeia. Com 5,5 milhões de habitantes, o país está entre os 10 melhores do mundo em educação. (ANSA)