Esportes

Final entre Athletico-PR e Bragantino garante ao Brasileirão 15 vagas em competições continentais em 2022

Festa de vagas pode fazer o G6 passar a ser um G9, com os 15 primeiros colocados indo a torneios sul-americanos. 75% dos times do torneio nacional terão calendário continental

Final entre Athletico-PR e Bragantino garante ao Brasileirão 15 vagas em competições continentais em 2022

Brasil terá Recopa Sul-Americana (Foto: NATHALIA AGUILAR / POOL / AFP)

Com a confirmação da classificação do Athletico Paranaense para a final da Copa Sul-Americana, que será disputada contra o Red Bull Bragantino, o Brasil terá 15 representantes em competições continentais no ano de 2022. Na Libertadores serão nove equipes, enquanto no segundo principal torneio do continente outras seis equipes brigarão pelo título.

+ Novo eFootball 2022, da Konami, vira alvo de memes após lançamento


+ Conmebol propõe aumento na duração do intervalo das finais da Libertadores e Sul-Americana

+ MP diz que Aidar tentou comprar imóvel com verba do São Paulo

Atualmente com seis vagas distribuídas no Campeonato Brasileiro, o torneio poderá passar de um G6 para um G9. Somando-se à final da Sul-Americana, a decisão da Libertadores, também com os brasileiros Palmeiras e Flamengo, influencia neste aumento.

Como os campeões continentais garantem vaga na edição seguinte da Libertadores, e com a presença dos quatro clubes entre o primeiro e o nono lugar na tabela neste momento, os oito primeiros times iriam para o principal torneio do continente. Porém, com a vaga da Copa do Brasil, uma vaga extra pode aparecer. Além de Flamengo e Athletico-PR, Fortaleza e Atlético Mineiro também estão nas semifinais e fazem parte dos nove primeiros no Brasileirão.

País com mais participantes na Libertadores costumeiramente, o Brasil terá pela primeira vez nove participantes no torneio de 2022. Sete garantirão vaga na fase de grupos, enquanto outros dois disputarão as fases prévias da competição.

Estádio Centenário, em Montevidéu, no Uruguai, palco das finais da Libertadores e Copa Sul-Americana em 2021

Finais continentais em 2021 serão disputadas no Estádio Centenário, em Montevidéu (Foto: Reprodução / Twitter)

PARTE DE BAIXO DA TABELA TAMBÉM SERÁ RECHEADA

As vagas em competições continentais vão além da Libertadores, obviamente. Na Copa Sul-Americana, o Brasil tem mais seis vagas garantidas na próxima edição do torneio. E caso o G6 passe a ser G9, a distribuição será do décimo ao 15º colocado.

Ou seja, dos 20 times que disputam o Campeonato Brasileiro de 2021, 75% dos participantes terão um torneio sul-americano para disputar em 2022, o que é algo inédito. Com esta configuração, apenas o 16º colocado, que é o último a se salvar do rebaixamento, e os quatro times do Z4, é claro, não terão calendário internacional no próximo ano.

Esta configuração não é uma regra, pois tanto os campeões continentais, como o campeão da Copa do Brasil, podem cair de posição no Campeonato Brasileiro. No momento, entretanto, todos ocupam a metade de cima da tabela.