Brasil

Filho de Lula perde reeleição para vereador em São Bernardo do Campo

Crédito: Reprodução Facebook

O filho do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Marcos Lula (PT), não conseguiu se reeleger vereador em São Bernardo do Campo, cidade na região metropolitana de São Paulo que é berço do PT. Segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Marcos Cláudio Lula da Silva recebeu 1.504 votos, o que corresponde a 0,39% dos votos válidos para o cargo no município.

Leia mais
Tucano João Doria ganha em 1º turno a disputa pela prefeitura de São Paulo
Juiz que impediu imprensa de cobrir voto de Dilma já usou Twitter para criticá-la
Em Itumbiara (GO), substituto de candidato assassinado vence eleição

O político era vereador da cidade desde 2012, quando foi eleito com 3.882 votos. Em 2008, Marcos Lula candidatou-se para vereador pela primeira vez, também em São Bernardo do Campo, e obteve 2.975 votos. Na época, o político foi impedido, pela Justiça Eleitoral, de assumir já que seu pai exercia o segundo mandato como presidente da República.

Psicólogo formado, Marcos Lula é filho adotivo de Lula e filho biológico de Marisa Letícia com seu primeiro marido. O político participou da fundação do Partido dos Trabalhadores (PT) e, em 2002, durante a campanha vitoriosa de seu pai à Presidência da República, administrou a “Lojinha do PT”, em São Paulo. Lá, vendia camisas, bandeiras, canetas e bonés da legenda. Marcos Lula é casado, tem um filho e se diz tataraneto de famílias fundadoras de São Bernardo do Campo.

Veja também

+ A incrível história do judeu que trabalhou para os nazistas na Grécia

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+Vídeo mostra puma perseguindo um corredor em trilha nos EUA

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Santo Stefano: Esta vila italiana te paga R$ 52 mil para se mudar

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar